INVE desenvolve sistema inovador de separação completa de náuplios

Para facilitar o manejo na larvicultura a INVE desenvolveu um inovador sistema de separação completa dos náuplios chamado SEPArt. Essa tecnologia simples e sustentável garante a obtenção de náuplios puros e íntegros sem a utilização de produtos químicos ou manipulações complexas.

<hr color="#990000" noshade>

A Artemia é um renomado, prático e nutritivo alimento vivo para a aquicultura industrial da maioria dos peixes marinhos e crustáceos. Seu uso exige que funcionários da larvicultura separem os náuplios recém eclodidos das cascas dos cistos. Esse processo ocorre pela sedimentação dos náuplios, que podem ser coletados pelo fundo do tanque, enquanto as cascas permanecem na superfície. O problema é que os ovos não eclodidos também sedimentam e são coletados junto com os náuplios. Esses ovos não germinados são uma imensa fonte de problema e contaminação para a larvicultura.

Para realizar uma separação aceitável e dispor de náuplios com menos resíduos para a larvicultura, dois métodos são conhecidos e normalmente empregados, a separação mecânica com jato d’água através de malha dupla e o processo químico de descapsulação. O primeiro processo requer atividade e paciência por parte do funcionário, pois a malha que retém os ovos fica constantemente entupida e parte dos náuplios acaba esmagada. No processo de descapsulação, além do tempo empregado, da exposição aos gases tóxicos e dos resíduos tóxicos liberados no ambiente, também há riscos de perda de embriões saudáveis.
Características do SEPArt

– Separação Completa: a remoção das cascas e dos ovos não germinados é rápida e deixa os náuplios completamente livres desses resíduos.
– Aumento da Viabilidade e da Vitalidade: ao contrário do sistema de malha dupla, os náuplios não sofrem estresse físico.
– Maximização da Eclosão: usando o conceito de colheita SEP-Art, é possível coletar todos os náuplios que estão presentes no tanque de eclosão. Além disso, devido à natureza não-destrutiva da tecnologia SEP-Art, cada náuplio colhido está intacto. O resultado é a obtenção de maior biomassa.

– Automação: a colheita de Artemia usando a metodologia SEP-Art é um processo automático, os fortes ímãs separam as cascas magnetizadas e os náuplios saem puros.
– Preocupação com a Segurança e o Meio Ambiente: a Artemia SEP-Art é revolucionária e contemporânea, uma vez que deixa para trás o processo complicado e perigoso de descapsulação.