Lançamentos Editoriais – Edição 181

Protocolo de boas práticas de manejo durante a fase de produção de alevinos de tambaqui na Região do Baixo São Francisco

A Embrapa Tabuleiros Costeiros lançou a Circular Técnica, 88 – Protocolo de boas práticas de manejo durante a fase de produção de alevinos de tambaqui na região do Baixo São Francisco AL/SE. Trata-se de um protocolo desenvolvido a partir dos resultados de levantamento da fauna parasitária e dos fatores de risco associados aos parasitas encontrados em criações de alevinos de tambaqui em pisciculturas do baixo São Francisco. Foram coletadas informações em propriedades de alevinagem da região por meio de visitas técnicas e aplicação de formulário semi-estruturado sobre infraestrutura, manejo, qualidade de água, reprodução, doenças e comercialização. A partir desse estudo, com base em literatura científica, são apresentadas as recomendações de boas práticas durante a fase de alevinagem do tambaqui, específicas para a região do baixo São Francisco, com a finalidade de reduzir a contaminação e a disseminação de patógenos nos peixes em cativeiro. São autores do documento os pesquisadores: Thays Brito Reis Santos; Rodrigo Yudi Fujimoto, Higo Andrade Abe; Peterson Emmanuel Guimaraes Paixão; Juliana Oliveira Meneses; Joel Artur Rodrigues Dias; Natalino da Costa Sousa; Marcia Valeria Silva do Couto; Fernanda Santos Cunha; Cindy Caroline Moura Santos e Patricia Oliveira Maciel.

Download em https://bit.ly/2PvbmQ6


Manual para gestão da água e de resíduos do processamento de peixes

O livro lançado pela Embrapa Pesca e Aquicultura, é uma publicação destinada a indústrias de processamento de pescado. A obra apresenta um roteiro de ações adaptáveis a indústrias de beneficiamento de peixes de diferentes portes, com foco em redução do uso de água e aproveitamento de resíduos agroindustriais, além do tratamento e reuso de efluentes –  questões fundamentais para a gestão das indústrias. 

As indústrias de alimentos são grandes consumidoras de água e geradoras de resíduos orgânicos. E entre os setores de processamento de carnes, a agroindústria de pescado é a que apresenta as maiores taxas de expansão global. Além disso, diversas regiões no planeta têm sofrido com a escassez de água e com a contaminação química e orgânica dos corpos hídricos em razão do descarte incorreto de resíduos e efluentes gerados nas indústrias.

Segundo a pesquisadora da Embrapa Pesca e Aquicultura Viviane Rodrigues Verdolin dos Santos, a ideia para a elaboração do livro surgiu a partir dos resultados obtidos em uma pesquisa coordenada pela Unidade, na qual houve redução de até 30% na utilização de água e geração de efluentes pelas indústrias de pescado. “A partir daí vimos que o modelo que desenvolvemos poderia ser aplicado em outras indústrias e resolvemos elaborar o manual com o passo a passo, orientando aqueles que buscam alternativas para a redução no uso de água, aproveitamento de resíduos e tratamento e reuso de efluentes”, afirma.

O manual se destina às indústrias de beneficiamento de peixes de diferentes portes e que processam diferentes espécies, uma vez que as ações para a implementação da gestão hídrica e de resíduos podem ser facilmente adaptadas às diferentes realidades de cada indústria, destaca a pesquisadora, que faz parte de um grupo multidisciplinar de 19 autores, de diferentes centros de pesquisa da Embrapa, universidades e outras instituições parceiras.

A publicação é gratuita, com download em https://bit.ly/3q8vVyj