Piscicultura brasileira participa da Seafood Expo North America para ampliar exportações

A Associação Brasileira da Piscicultura (PeixeBR) lidera missão de empresas de peixes de cultivo que participa, nesta semana, da Seafood Expo North America, em Boston (EUA). A iniciativa faz parte do projeto de expansão da atividade comandado pela Apex-Brasil. Além disso, algumas empresas associadas, como AYAMO e GeneSeas, têm estandes próprios no evento, um dos mais importantes da indústria global de pescado.

“A tilápia brasileira já participa do mercado norte-americano, porém as potencialidades são imensas. Em 2021, os Estados Unidos foram os maiores compradores da tilápia brasileira. E as exportações começam 2022 em alta: crescimento de 100% em relação a janeiro-fevereiro de 2021”, informa Francisco Medeiros, presidente executivo da PeixeBR.

AYAMO, Copacol, Coprimar (Frango Bello), GeneSeas, Fider e Zaltana estão entre as empresas brasileiras associadas à PeixeBR no evento. “A Zaltana, aliás, está na feira em busca de oportunidades de negócios para o tambaqui”, informa Medeiros.

A Seafood Expo North Americana reúne representantes de cerca de 170 países. “A piscicultura brasileira tem apresentado resultados cada vez mais positivos em relação às exportações e a retomada de eventos como este é uma grande oportunidade para mostrarmos o potencial do mercado brasileiro”, reforça o presidente executivo da PeixeBR.

Segundo dados da Secex, entre janeiro e fevereiro, o Brasil exportou pouco mais de 1.600 toneladas de tilápia contra 800 t em igual período do ano passado. Em receita, foram US$ 4,7 milhões no 1º bimestre de 2022.

(Fonte: PeixeBR)